• Portais do Grupo Hoje Comunicações

Voluntariado do Unasp vai a nove países durante as férias de julho

Durante o período das férias de inverno deste ano, cerca de 250 estudantes, professores e funcionários do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp) estão dedicando parte do seu tempo para o voluntariado. Ao todo, são nove países num total de 14 localidades que estarão recebendo alguns dos estudantes adventistas, que este ano vão pela primeira vez à Irlanda, no leste europeu.

Entre as comunidades que estão recebendo os voluntários dos campi Engenheiro Coelho, Hortolândia e São Paulo estão Irlanda, Chipre, Paraguai, Chile, Angola, Nova Iorque (EUA), Egito e Brasil. Em nosso país, os munícipios são de Nova Jerusalém e Maués (AM), Curitiba (PR), Campinas (SP), Quixabeira (BA) e Valongo (SC). Em cada local, serão feitas ações em saúde, revitalização de locais públicos, construção de igrejas e escolas, pontos de evangelismo bíblico e trabalho com crianças.

“Em média cada estudante dedica uma média de 15 a 20 dias das suas férias para fazer o bem ao próximo e isso não apenas reforça a cultura de levar o ensino da sala de aula para  comunidade local, em atividades de extensão, mas cria na pessoa uma identidade de transformação social. Ao fazer voluntariado, ela não apenas faz o bem ao próximo, mas para ela mesma”, comenta o Pró-Reitor de Desenvolvimento Espiritual, Comunitário e Estudantil, pastor Jael Eneas.

Política de Voluntariado

Foi votado na última quarta-feira, 26 de junho, a Política de Educação para o Voluntariado do Unasp, que reconhece essa prática como horas complementares aos cursos de Graduação. De acordo com a instituição, voluntariado é qualquer ação do estudante, que por interesse pessoal ou do Centro Universitário, dedica parte do seu tempo, sem remuneração, a diversas formas de atividades de promoção ao bem-estar social.

Para aqueles que se envolvem em atividades como essas, chamadas de missões no contexto local, os estudantes precisam da supervisão de um professor ou responsável para validação das horas. Por parte da instituição, é responsabilidade dela estruturar projetos e orientar o envio, a permanência e a reinserção do voluntário, no seu retorno, à instituição, conforme a abrangência e a duração do serviço voluntário.

Pós-Graduação na Área

E para aqueles que se interessam pela área, o Unasp é a única instituição de ensino que oferece duas pós-graduações específicas nesta área. No campus São Paulo, o MBA em Liderança e Gestão de Voluntariado tem como objetivo capacitar líderes para conduzir um voluntariado, oferecendo disciplinas relacionadas à capacidade de gerar comprometimento e habilidades de planejamento e gerenciamento de projetos. As aulas acontecem em dois domingos por mês, e já tem turmas abertas para o início de agosto.

Já pelo serviço EaD, o MBA em Gestão de Voluntariado e Projetos Sociais pode ser feito em até um ano, com aulas a partir do dia 06/08. O curso oferece disciplinas relacionadas à formação do líder, sua capacidade de gerar comprometimento nas pessoas, e suas habilidades de planejamento e gerenciamento de projetos em voluntariado.