• Portais do Grupo Hoje Comunicações

Prefeitura lança ação pioneira contra a dengue: “Artur Dengue Zero”

A ação visa monitorar e prevenir a dengue no ano de 2019 em Artur Nogueira

Artur Nogueira, de acordo com levantamento realizado pelo Governo Federal, está localizado em uma região onde há riscos de surtos e infestação pelo Aedes Aegypti em pelo menos dez cidades. Sabendo dessa realidade, o prefeito Ivan Vicensotti determinou que fosse realizada uma força tarefa envolvendo, além do Gabinete, as secretarias de Saúde e Segurança. Essa equipe irá mapear a cidade com base nos dados do mesmo período do ano passado e realizar um monitoramento aéreo. O objetivo é identificar possíveis criadouros e notificar os moradores para realizar limpeza ou outras medidas de prevenção.

“O berço da amizade se tornou uma cidade sem risco de surtos e infestação da dengue, e queremos manter nossa querida Artur Nogueira assim”, relatou o prefeito Ivan Vicensotti. O mosquito transmissor da dengue vive em média de 30 a 45 dias, período em que pode colocar até 500 ovos e picar cerca de 300 pessoas. A proximidade com as cidades em risco que cercam o município é o ponto fundamental para a realização desta ação.

A ação

As secretarias de Saúde e Segurança irão mapear a cidade e realizar um monitoramento aéreo para identificar calhas entupidas, caixas d´águas abertas, lajes que acumulem água, entre outros possíveis criadouros do mosquito. O monitoramento será realizado com um drone por um agente da Polícia Municipal e acompanhado por um agente da Saúde. A equipe irá notificar as residências com o foco do possível criadouro do mosquito, e em um prazo de 7 dias voltará àquela localidade para identificar se a limpeza foi feita.

Devido a dificuldade de visualizar as imagens em detalhes no monitor do equipamento, toda a ação será gravada e analisada pelo agente de saúde posteriormente. Assim a ação se torna ainda mais eficaz na identificação dos possíveis criadouros. A notificação será feita com a data do voo e também com uma foto do foco para que o munícipe possa ir direto ao ponto quando for eliminar esse criadouro.