• Portais do Grupo Hoje Comunicações

Populares organizam 2º dia de manifestações em Artur Nogueira

Na noite de ontem, mais de 400 moradores tomaram conta das principais ruas da cidade, gritando palavras de ordem em apoio aos caminhoneiros e pedindo a saída do presidente Michel Temer.

“Um dia que ficará para a história de Artur Nogueira”, essa frase foi o que resumiu ao final da manifestação organizada pelos nogueirenses, que aconteceu na tarde de ontem (28) e se estendeu ao longo da noite.

Com uma boa quantia de moradores, os organizadores resolveram estender a manifestação para hoje. Usando as redes sociais como Facebook e grupos no WhatsApp, estão organizando um segundo dia de manifestações da cidade.

Segundo um dos organizadores, o movimento deve acontecer hoje por volta das 16h30 em frente ao Coreto no Centro da cidade e toda a população é convidada a participar. “Vamos reivindicar nossos direitos, apoiando os caminhoneiros. A intenção é mobilizar o povo e mostrar o nosso poder, fazendo um movimento de maneira pacifica” comenta Paulynho Silva.

Manifestação no domingo

Na tarde de ontem (27), moradores se organizaram por meio das redes sociais e se reuniram na Pista de Skate por volta das 14h para articular como seria a manifestação. As 16h os mesmos se encontraram com demais, na praça do Coreto, onde entoaram o Hino Nacional e gritaram palavras de ordem.

Em seguida, pelo menos 400 pessoas participaram de uma passeata saindo do centro em direção a Praça Santa Rita, acompanhados por caminhões, motos e carros que percorreram as principais ruas da cidade.

O encerramento aconteceu na frente da Câmara Municipal, já por volta das 21h30. As Polícia Militar e Municipal acompanharam o ato de longe.

Principio de Incêndio

Algumas pessoas infiltradas na manifestação botaram fogo em pneus na Avenida 10 de abril, bloqueando a via por alguns minutos.

Segundo testemunhas, alguns cidadãos, bêbados, que estavam em um bar, teriam ateado fogo em pneus, lixo e mato para fechar a rua. O fogo quase tomou conta, mas as próprias pessoas do bar jogaram água e apagaram o principio de incêndio. Ninguém foi preso na ação.

Leia Mais:

GREVE: Moradores aumentam o uso da bicicleta em Artur Nogueira

Aulas suspensas nesta semana em Artur Nogueira

Temer reduz o preço do diesel e propõe o fim da greve

 

"Quem sabe, muitas vezes não diz. E quem diz muitas vezes não sabe." Paulo Henrique Campos, o "Paulinho" é natural de Campinas-SP, mas desde sempre residiu em Artur Nogueira. Com 23 anos já acumula diversas experiências no âmbito da juventude e nos meios de comunicação.