• Portais do Grupo Hoje Comunicações

Empresário é preso por filmar próprio voto no Amaro

O homem teve o celular retido e foi levado pra delegacia.

Um empresário de 41 anos, foi preso depois de filmar o próprio voto na seção 383, que fica na escola Estadual Professor Jose Amaro Rodrigues.

Segundo informações da Polícia Militar, o homem teria sido alertado de que deveria deixar o celular na mesa antes de se dirigir a urna, mas desobedeceu a ordem da mesária e Presidente da Seção 383. Ele se dirigiu à cabine, votou e, segundo ele mesmo contou para os militares, filmou seu voto.

Os policiais fizeram contato com o Cartório Eleitoral, que orientou a promotoria em apresentar o eleitor e registrar os fatos na Polícia Civil.

O celular do empresário foi retido e o eleitor encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Artur Nogueira.